UCPel organiza liga para debater questões feministas

Um novo espaço voltado para o diálogo entre as mulheres está prestes a ser formado na Universidade Católica de Pelotas (UCPel) e ganha ainda mais força com a celebração do Dia do Patrimônio, entre esta sexta (19) e o domingo (21), quando o tema Ocupação Feminina estará em evidência. Acadêmicas e professoras vêm realizando encontros para dar forma a uma Liga Feminista (LaFem) multicêntrica. Atividades de ensino, pesquisa e extensão na perspectiva dos estudos feministas começarão a ocorrer em breve. Atualmente, o principal tema que vem sendo debatido no grupo, formado no momento por acadêmicas e professoras dos cursos de Psicologia, Serviço Social, Direito, Filosofia e Jornalismo, é o esboço de um estatuto. Após perceber que não existia na Instituição um local para o diálogo entre mulheres – oportunidade para denunciar, desabafar, estudar e pesquisar -, o grupo resolveu se reunir para formalizar a existência de uma liga.A professora e integrante do grupo, Adriane Mobbs, lembra que foi através de uma roda de conversa aberta sobre o tema que se iniciou a pensar na formação da Liga. “Incentivamos mulheres a denunciar situações vividas através de depoimentos que poderiam ser depositados em uma urna ou divulgados através do Facebook”, conta. Ao ler os conteúdos, as organizadoras da roda perceberam que existia uma demanda e que ela não estava sendo atendida. “Vimos que não existia espaço para mulheres falarem do que estavam sofrendo”, complementa a docente. Em um primeiro momento, o grupo voltará suas ações para a comunidade acadêmica, mas atividades destinadas para a população em geral serão programadas e deverão ocorrer mensalmente. Após a finalização e aprovação do estatuto, um cronograma de ações será definido, informa a docente. Além da Adriane, as professoras Ana Paula Dittgen, Carla Ávila e Rosane Feijó também atuam no grupo. Acadêmicas interessadas em participar das atividades ou conhecer melhor as propostas da futura liga podem acessar o grupo no Facebook, intitulado Liga Acadêmica Feminista da UCPel.     Dia do Patrimônio discute ocupação femininaA UCPel é uma das instituições parceiras da realização do Dia do Patrimônio, que neste ano celebra a Ocupação Feminina. Ao longo deste fim de semana, 18 espaços e prédios históricos – públicos e privados – estarão de portas abertas ao público para visitação.Na Católica, as questões feministas vêm encontrando diversas oportunidades para serem debatidas e estudadas. Além do grupo que organiza a formação de uma Liga Acadêmica Feminista, trabalhos de conclusão de curso sobre a temática e grupos de pesquisa e estudos vêm ocorrendo.De acordo com a professora Adriane, a UCPel ainda oferta para acadêmicos de todos os cursos a possibilidade de cursar uma atividade complementar intitulada Gênero, Direitos Humanos e Educação. A formação da nova Liga, a atividade complementar e a realização da roda de conversa #porquesoumulher foram propostas nascidas dentro Centro de Referência em Direitos Humanos Dom Helder Câmara da Católica, que trabalha com os temas conscientização em relação aos Direitos Humanos e aos direitos que cada cidadão possui.foto da notícia