Fórum de Ciências Criminais debate a formação do advogado

A (de)formação ou a formação do advogado criminalista no Brasil foi uma das temáticas abordadas pelo primeiro palestrante do Fórum de Ciências Criminais, professor e presidente da Associação Brasileira dos Advogados Criminalistas, Jader Marques. O evento, organizado pela Liga Acadêmica de Ciências Criminais do curso de Direito da Universidade Católica de Pelotas (UCPel), ocorre  no Auditório Dom Antônio Zattera até esta sexta-feira (30).De acordo com Marques, existem 1.240 cursos de Direito no Brasil, 800 mil advogados e 3 milhões de bacharéis, o que torna o país um dos líderes do mundo no número de profissionais da área por habitantes. “Mais do que o número de faculdades, precisamos criticar o modelo de ensino existente no país”, avalia. O professor ainda comentou que em 1955 já se discutia a qualidade do ensino jurídico. “Há 100 anos se ensina desse jeito e só sabemos fazer assim”, disse. O docente defendeu que existem maneiras diversas para o compartilhamento de conteúdos, mas que em muitas ocasiões novos formatos acabam enfrentando barreiras, como aceitação de alunos, conservadorismo de instituições, cultura e redução do tempo. Outro ponto destacado pelo docente foi o formato do currículo dos cursos, voltados demasiadamente para a teoria com ausência da prática.  Nesta quarta-feira (28), o Fórum prossegue tratando sobre os temas acusação e defesa no Tribunal do Júri e o papel da magistratura no Plenário do Júri. A quinta-feira (29) será reservada para a apresentação de trabalhos e a sexta-feira (30) para debater a prova penal e a captura psíquica do juiz. As inscrições ainda podem ser realizadas na Livraria Vanguarda Técnicos (saguão do Campus I) e através do e-mail lacc.ucpel@gmail.com (deverá constar em anexo a foto do comprovante do depósito). O valor para ouvinte, de R$ 30,00, deve ser depositado na Agência do Banrisul 0320, conta 35.223708.0-3, em nome de José Mário Brem da Silva Júnior. Confira abaixo a programação: 28/099h – Violência Institucional – Análises Críticas – Paula Garcia Gonçalves 14h – “A acusação no Tribunal do Júri” – Márcio Schlee16h – “A defesa no Tribunal de Júri” – Jean Severo 19h – “O papel da magistratura no Plenário do Júri” – Jorge da Silva Cardoso 29/0914h – Apresentação de trabalhos 30/0919h – “Prova Penal e captura psíquica do juiz” – Aury Lopes Júniorfoto da notícia