UCPel realiza workshop para debater a pesquisa empírica no Direito

Buscando fomentar o uso da pesquisa de campo como estratégia no plano da produção do conhecimento no Direito, a Universidade Católica de Pelotas (UCPel) promoverá nos dias 25 e 26 de maio o 2° Workshop Extremo Sul de Pesquisa Empírica em Direito. A atividade, que conta com o apoio da Rede de Estudos Empíricos em Direito (REED),  reunirá pesquisadores de diversas instituições do país.Através da integração entre vários grupos de pesquisa, o congresso tem a intenção de estimular a criação de redes de pesquisa, sobretudo no âmbito da Pós-Graduação. “O Brasil ainda não recorre, tradicionalmente, à pesquisa empírica na área do Direito. Ao trazer essa perspectiva, buscamos incentivar, principalmente, grupos do Extremo Sul do Estado a utilizarem essa metodologia, destacando o potencial da região para o estudo científico do Direito”, destacou o professor da UCPel, Luiz Antônio Bogo Chies – um dos organizadores da atividade.O evento vai ser dividido em três momentos: Grupos de Trabalho temáticos, palestra e oficinas. Nos GT’s, realizados no primeiro dia do evento, os pesquisadores terão 15 minutos para fazer a apresentação das pesquisas em desenvolvimento, seguida de discussões entre os presentes. Cada grupo contemplará até oito trabalhos pré-selecionados. De cada GT será escolhido, pela Comissão Científica do evento, um trabalho para constar nas publicações decorrentes do Workshop.Na noite de sexta-feira (25), o coordenador da REED e professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), José Roberto Franco Xavier, vai falar sobre A Pesquisa Empírica em Direito. Já na manhã de sábado, serão realizadas oficinas com o objetivo de mesclar teoria e prática. (Confira abaixo a programação completa).Os interessados em participar como ouvintes devem enviar a ficha disponível aqui para o e-mail gitepucpel@gmail.com. A taxa de R$ 25 será paga no credenciamento do evento. Mais informações podem ser obtidas na página do evento no Facebook. Confira programação completa:25/0513h30 – Credenciamento e abertura – sala 100K Prédio Santa Margarida;14h – Grupos de Trabalho simultâneos:GT.1 – Direito e Educação (Vanessa H. Caporlingua; Simone Grohs Freire) Sala 210C Campus I UCPel;GT.2 – Segurança Cidadã, Justiça Criminal e Questão Penitenciária (Eduardo Pazinato; Bruno Rotta Almeida e Luiz Antônio Bogo Chies) Sala 211C Campus I UCPel;GT.3 – Direito pós-colonial e exclusão (César Augusto Soares da Costa; Márcia Bertoldi; Raquel Sparemberger) Sala 213C Campus I UCPel;GT.4 – Arte, Imagens e Direito (Ana Clara Correa Henning; Renato Duro Dias; Maria Cecília Leite) Sala 214C Campus I UCPel;GT.5 – Direito das Minorias (Valmor Scott Jr.; Ana Cláudia Lucas) – Sala 221C Campus I UCPel;GT.6 – Jurisdição, Acesso à Justiça e Consumo (Rafael Fonseca Pereira; Marcelo Oliveira de Moura; Fernando Costa de Azevedo) Sala 224C Campus I UCPel;GT.7 – Direitos, migrações e fronteiras (Ana Paula Dittgen da Silva; Letícia Núñez Almeida; José Perez) Sala 226C Campus I UCPel;19h – Mesa – A Pesquisa Empírica em Direito, com o prof. Dr. José Roberto Franco Xavier – Sala 100K Prédio Santa Margarida;26/059h30 – Oficinas simultâneas:1 – Os direitos sociais dos pescadores: entre o desconhecimento e a marginalização (José Ricardo Caetano Costa, Eder Dion d Paula Costa, Hector Cury, Prof. Nadja Karin Pellejero) – Sala 319C Campus I UCPel;2- Pesquisa em Acórdãos Judiciais (Luiz Antônio Bogo Chies) Sala 327C Campus I UCPel;3- Pesquisa de campo em direito: ferramentas, desafios e possibilidades (Ana Clara Henning; Márcia Bertoldi) – Sala 331C Campus I UCPel;4 – Análise de discurso na pesquisa em direito: distinções fundamentais (Jael Gonçalves) Sala 333C Campus I UCPel;5 – O caminho do TCC: a pesquisa do projeto à defesa (Letícia Núñez Almeida; José Perez) Sala 335C Campus I UCPel;6 – Pesquisa em documentos históricos (Bruno Rotta Almeida) Sala 336C Campus I UCPel.Redação: Manuelle Mottafoto da notícia