Núcleo Interdisciplinar de Direitos Humanos (NIDHUS)

Breve histórico
Em seus primeiros momentos, o Núcleo Interdisciplinar de Direitos Humanos (NIDHUS) dedicou-se à tarefa de reunir material produzido pela Escola e pela Universidade em torno da temática de direitos humanos, coletando trabalhos de professores e de alunos.

Desenvolveu, também, os primeiros contatos com os Institutos de Filosofia, de Cultura Religiosa e de Teologia, da Universidade, para fins de ação conjunta.

Estimulou, através de uma ação continuada, o corpo discente do curso de Direito a apresentar trabalhos na área de direitos humanos.

Desenvolveu projetos de pesquisa, através de professores pesquisadores e alunos, apresentados em congressos de iniciação científica, na Universidade Católica de Pelotas, na Universidade Federal de Pelotas e na Universidade Federal de Santa Maria.

Os professores vinculados ao Núcleo produziram artigos em revistas e periódicos científicos da área.

O professor Ruy Barbedo Antunes desenvolveu quatro trabalhos científicos em torno do tema de direitos humanos : “Caracterização dos Direitos Humanos”, “A Efetividades das Normas Internacionais de Direitos Humanos no Mercosul” (em trabalho conjunto com a professora Anelize Maximila Corrêa e as alunas Carolina Moreira Paulsen e Lúcia Dal Molin , “Atualidade e Vigência da Encíclica Pacem in Terris sob a Ótica dos Direitos Humanos”e “Direitos Fundamentais e Direitos Humanos : A Questão Relacional “. A professora Anelize Corrêa, além do trabalho já referido, apresentou tese de doutorado junto à Universidade de Buenos Aires, com temática vinculada à questão das migrações no Mercosul e suas implicações com os direitos humanos. O professor Sadi Sapper desenvolve pesquisa junto à Assistência Judiciária da Escola de Direito, com fins de investigar ocorrências de violações de direitos humanos que permanecem em estado de relativo ocultismo em processos judiciais.

O NIDHUS iniciou já estudos preliminares para elaboração de um curso vinculado ao tema “cristianismo e direitos humanos”, dirigidos aos movimentos da Igreja Católica e de outras igrejas cristãs. Tal curso terá duas etapas : uma, desenvolvida através de vídeos produzidos pelo Núcleo e outra, presencial.

O Núcleo editou, sob a coordenação da professora Anelize Maximila Corrêa, livro intitulado “Direitos Humanos – Documentos Básicos”, destinado a estudantes, professores e profissionais em geral.

O NIDHUS, ademais, inicia agora o projeto “Balcão de Atendimento ao Estrangeiro”, em cooperação com a Capelania da Universidade, destinado a buscar soluções jurídicas para inúmeras questões que afligem um expressivo número de estrangeiros residentes em Pelotas e região.

Dois outros projetos começam a se desenvolver no Núcleo. O primeiro deles corresponde a um projeto pioneiro da Universidade, consistente em supervisionar e promover pesquisa em direitos humanos em escolas de ensino médio da cidade de Pelotas. O segundo, através de um projeto inédito, promover educação continuada em direitos humanos e cidadania a alunos das séries de ensino fundamental, a efetivar-se na Escola Nossa Senhora da Luz, em Pelotas, escola esta vinculada à Universidade.

Novos projetos estão sendo elaborados, como, por exemplo, um simpósio internacional sobre a temática dos direitos humanos no Mercosul e a edição de uma revista, também tendo por foco os direitos humanos no Mercosul.

Composição atual do conselho coordenador do NIDHUS
Profª Anelize Maximila Corrêa
Prof. Sadi Macedo Sapper

Regimento
Nidhus – Regimento