A partir de uma parceria entre a Universidade Católica de Pelotas (UCPel) e o Instituto Igarapé, ocorre a live “Estratégias para uma cidade segura: Apresentação da Agenda Cidades Seguras”, com participação do professor do curso de Direito, Samuel Rivero, e a diretora de programas do Igarapé, Melina Risso. A transmissão ocorre nesta quinta-feira (26), às 18h30min, no canal da UCPel no YouTube.

A atividade on-line será realizada no formato de bate-papo para apresentar a Agenda Cidades Seguras à comunidade acadêmica. O documento, disponível aqui, é um conjunto de ações que desencadearam transformações positivas em diversos locais, contribuindo na redução dos fatores de risco dos diferentes tipos de violências.

Os desafios para construir e desenvolver cidades mais seguras. Segundo Riveiro, não são novos, mas a pandemia incentivou outras questões, principalmente o agravamento das desigualdades. Este contexto exige novas soluções para a convivência segura em espaços urbanos.

 

Currículo e discussão

Na pauta do encontro, estará a importância dos municípios na prevenção da violência; soluções integradas nas áreas de saúde, educação e segurança; e o papel que instituições comunitárias pode desempenhar nesse processo de implementação da Agenda.

A convidada Melina Risso possui mestrado e doutorado em Administração Pública e Governo pela Fundação Getúlio Vargas. É comentarista da CBN e coautora do livro “Segurança pública para virar o jogo”. Também é co-fundadora do Movimento Agora!, conselheira da Open Knowledge Basil e faz parte de vários conselhos nacionais de políticas públicas.

A promoção do evento é do Grupo de Estudos em Segurança Pública (GESP), Escritório de Desenvolvimento Regional (EDR), curso de Direito e Instituto Igarapé. Na UCPel, o GESP ganha destaque na área da segurança pública ao promover seminários, parcerias com instituições públicas e pesquisas, entre elas o Mapa da Violência da Zona Sul.  

 

Redação: Max Cirne

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *