fbpx

O Núcleo de Direito e Participação Popular (Nudipp), projeto de extensão da Católica de Pelotas (UCPel) que atende demandas coletivas de associações de moradores, cooperativas e grupos informais, está realizando atendimentos jurídicos semanais na ONG Vale a Vida.

A coordenadora do projeto e professora do curso de Direito, Marcela Simões, enfatiza a relevância das atividades. “A nossa ideia é inserir nossos extensionistas na realidade que o Direito proporciona, indo além dos códigos e da letra fria da lei. Também produzimos materiais para disseminar informações”, aponta.

Para a extensionista do projeto, Evelyn Silva, o Nudipp exerce um papel fundamental em sua jornada acadêmica. “O Núcleo nos traz prática, realidade e nos possibilita a realidade que muitas vezes não enxergamos”, explica a acadêmica.

A presidente da ONG Vale a Vida, Joana Vitaca, considera o atendimento importante aos assistidos pela entidade. “Tem ajudado muito na questão de Direito Familiar e LOAS [Lei Orgânica da Assistência Social]. Para nós, é um serviço muito importante”, avalia a gestora.

A ONG Vale a Vida fica localizada na rua Dom Pedro II, 1.066, no Centro de Pelotas. Os atendimentos acontecem às quintas-feiras, a partir das 14h.

Sobre a ONG

A Vale a Vida é uma organização que tem por objetivo promover e proteger os direitos humanos. Para isso, no local são desenvolvidas ações integradas de prevenção e assistência, visando atender as necessidades das pessoas que vivem e convivem com HIV/Aids, reduzindo, assim, sua vulnerabilidade e promovendo a sua vida. A ONG completou em setembro 24 anos de atuação.

Redação: Jackson Crizel

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.