Mais uma atividade do curso de Direito da Universidade Católica de Pelotas (UCPel) sobre o tribunal do júri ocorre na próxima quarta-feira (14), às 18h, através do Youtube. O novo encontro irá abordar o papel da acusação e contará com a participação do promotor de justiça, José Olavo Bueno dos Passos, e da advogada criminalista e professora da UCPel e UFPel, Ana Cláudia Lucas.  

De acordo com o docente responsável pela série de lives, Samuel Rivero, os convidados irão compartilhar suas experiências de vida e percepções sobre o papel da acusação no júri. “Já tratamos sobre dramatizações de jogos narrativos e o papel da investigação preliminar. Até o final de novembro ainda vamos abordar temas como defesa, juiz e oficiais de justiça no júri”, adianta o docente.

Responsável por abordar o papel do advogado e do assistente de acusação, Ana Cláudia, trará para o debate quais as razões que existem para que a vítima, ou a sua família, recorram a um advogado particular para compor a acusação, se há a garantia de atuação do Estado através do Ministério Público. “Além disso, se o tempo permitir, ainda abordarei outras questões controvertidas sobre a atuação do assistente da acusação”, completa.

Passos dará destaque para o protagonismo do ministério público e do promotor no trabalho de acusação junto ao tribunal do júri. “Vou falar ainda sobre a estrutura da acusação e seus limites”, diz.

Os demais encontros ocorrerão em 26/10 – defesa; 9/11 – juiz e 23/11 – oficiais de justiça no júri. Além do professor Rivero, também coordena a atividade a professora Marina Ghiggi. Ambos serão responsáveis pelas lives que ocorrem sempre às 18h, pelo canal do curso de Direito no Youtube.

Redação: Rita Wicth – MTB 14101

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *