fbpx

O professor da Universidade Católica de Pelotas (UCPel), Luiz Antônio Bogo Chies, é consultor responsável pela elaboração do Guia Prático para Implantação de Comitês de Políticas Penais. Os Comitês de Políticas Penais, vinculados a série Fazendo Justiça do Comitê Nacional de Justiça (CNJ), têm a finalidade de ser um órgão que reúna todas instituições e movimentos que se relacionam com as políticas penais, garantindo o diálogo entre diferentes instituições, fundamental para melhorar os serviços penais.

:: Acesse o Guia Prático para Implantação de Comitês de Políticas Penais

De acordo com o professor, sua participação repercute a credibilidade que a Católica de Pelotas tem no campo da questão penitenciária. “Acho importante destacar que não se trata de uma credibilidade pessoal, mas sim, de uma credibilidade que leva em conta a atuação da UCPel dentro deste quadro das questões penitenciárias e de políticas em serviços penais”, comenta.

A elaboração do guia foi realizada sob a interlocução colaborativa da equipe do CNJ, o que favorece o estabelecimento de redes que mantêm a universidade como parceira na formulação de políticas públicas e sociais no âmbito das políticas penais.

Conheça o Docente

O professor Luiz Antônio Bogo Chies é docente da UCPel desde 1994. Em 1997 começou sua atuação em projetos de pesquisa, extensão e ensino que deram origem ao GITEP (Grupo Interdisciplinar de Trabalho e Estudo Criminais-Penitenciários). Participa dos diretórios de grupos de pesquisa do CNPQ desde 2002. Possui mais de 20 anos de atuação, sendo responsável por investigações pioneiras em relação a agentes penitenciários e encarceramento feminino.

 

 Redação: Bruno Bohm 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.